September 28 2017

Jeniffer Elaina da Silva

3 Vantagens de Falar Mais Idiomas Ao Fazer Negócios

Por que falar mais de uma língua é crucial para os negócios?

“A economia do Reino Unido já está perdendo cerca de 50 bilhões de euro por ano em contratos perdidos devido à falta de competências linguísticas no trabalho”, diz Baronesa Coussins, presidente do grupo parlamentar de todos os partidos sobre as línguas modernas (APPG).

Você não está sozinho se não é fluente em outros idiomas: 3/4 dos adultos britânicos não podem falar uma língua estrangeira competentemente. Mas os benefícios de ser capaz de se comunicar com clientes no exterior, fornecedores e compradores são enormes.

Nesse artigo, queremos te mostrar 3 razões essenciais para levar o projeto da segunda língua adiante e como isso ajudará seu negócio! Vamos lá?

As 3 Vantagens de Falar Línguas Nos Negócios

#1 — É a chave para manter uma base crescente base de clientes

3 Vantagens de Falar Mais Idiomas Ao Fazer Negócios

Scott Becker sempre contratou funcionários bilíngües — seu pessoal inclui falantes de francês, alemão, mandarim, russo e japonês. “Muitas empresas vão contar com a ajuda de tradutores, mas nós descobrimos que investir em um serviço dedicado levou a relacionamentos mais fortes com os clientes — tanto que a maioria dos trabalhos que a empresa recebe por este serviço é através de recomendações pessoais”, diz o parceiro Ciaran McCabe.

#2 — Não é apenas sobre a facilidade de comunicação: saber outra língua significa compreender uma cultura

A agência de RP ING Media é especializada em arquitetura e possui uma base de clientes global. O diretor Leanne Tritton diz que o fato de os funcionários serem multilíngues teve um impacto direto sobre o seu sucesso em ganhar trabalho internacional. Serra Ataman, gerente de contas do ING e um falante turco nativo, trabalha muito de perto com um dos clientes turcos da empresa. “Eu visito muito a Turquia”, diz ela.

“Por isso, eu sou capaz de me atualizar com notícias que podem afetar o cliente e entender seus desafios e sua maneira de trabalhar, e posso traduzir para o Inglês.”

#3 — O crescimento do negócio pode estar diretamente relacionado com os idiomas falados pela equipe

Algumas empresas têm como regra só contratar funcionários que têm uma segunda língua. Sylvia Leis, fundadora da especialista agência de Publicidade Técnica global, diz que Muitos de seus clientes são multinacionais. Ela diz que ser capaz de se comunicar com um falante nativo significa que o negócio é feito de forma mais rápida e eficiente em todos os mercados grandes e complexos.

“Nossos clientes geralmente trabalham para multinacionais, mas isso não significa necessariamente que eles são brilhantes em Inglês”, diz Leis, que fala francês. “Isso os enfraquece enormemente. É extremamente útil se pudermos falar com eles em sua própria língua e entender seus planos»

“Digamos que um dos nossos clientes tem um estudo de caso de um produto maravilhoso, por exemplo, que está vindo da Itália, e nós queremos fazer um comunicado para imprensa. O nosso falante nativo italiano fara a criação e, em seguida, as outras línguas podem lançá-las aos editores em suas línguas maternas. Isso faz uma grande diferença. Quando eu comecei a fazer isso, tentamos criar do inglês. Você simplesmente não pode obter o mesmo nível de recepção de jornalistas se não for lançado em sua língua oficial”.

Depois, há o lado conceitual, diz Leis: “Se estamos fazendo um anúncio engraçado em inglês para uma grande empresa de tecnologia, a comédia se perde quando apresentada aos alemães. Então, você precisa descobrir como atingir o mesmo com o mesmo visual, mas alterando o título, e que precisa de falantes de língua materna “.

Como você viu, há uma infinidade de maneiras para acessar e aprender uma segundo idioma. Note que fluência não vem apenas de cursos. Aprender uma língua é um trabalho árduo, de modo que a motivação e o desejo de realizar um curso de línguas realmente precisa vir do indivíduo”

Se você ainda não fala uma 2º língua, esse é o momento ideal para começar a aprendê-la. Hoje, existem muitas alternativas de ferramentas para aprender idiomas, tais como aplicativos para smartphones, sites de notícias, além das plataformas online como a Preply, por exemplo, que coloca à disposição do aluno professores capacitados para lecionar vários idiomas à distância e utilizando o Skype.

Mas lembre-se: mesmo não sendo fluente, algumas palavras podem ajduar muito ao fazer negócios. Em feiras, especialmente, as pessoas apreciam o esforço mais do que a precisão. Mesmo que as suas competências linguísticas não sejam, é sempre bom tentar!

Até a próxima!

Fonte: Preply

About Jeniffer Elaina da Silva

Jeniffer Elaina trabalha como Editora freelancer, tendo mais de cinco anos de experiência em escrita e revisão de artigos para web. É formada em Marketing com pós-graduação em Administração de Empresas na FGV Bauru. Sua maior paixão é poder compartilhar conhecimentos e aprender um pouco mais a cada dia.


DISCUSSÃO

Loading Facebook Comments ...

Discussão

Sem comentários. Seja o primeiro a responder!

Postar um comentário